Álvaro de Luna

Compartilhe famosos, filmes, trailers e séries

Nascido em Madrid, em 10 de abril de 1935, Álvaro de Luna é um ator espanhol.

É frequentemente lembrado por suas atuações em “Teol el Pelirrojo” (1986) e “Dulces Horas”(1982), além do papel que lhe deu o maior sucesso de sua carreira: “El Algarro

alvaro de luna

Alvaro de Luna participou de muitos filmes de faroeste.

bo”, da famosa série da TV espanhola de fins dos anos 1970. No entanto, o veterano ator Luna não gosta de ser rotulado por nenhum papel.

Ao receber recentemente um prêmio pela obra “De uma vida”, no XII Festival de Cinema de Alicant, ele declarou, na ocasião, que “os personagens não fazem os atores”, considerando não ser um bom indício quando um ator fica marcado por um só papel.

Apesar dessa espécie de modéstia, os fãs de Álvaro de Luna irão sempre discordar ao reconhecer que só uma excelente interpretação faz um personagem sobreviver para sempre na pele de um ator.

ÁLVARO DE LUNA CARREIRA

Antes de ingressar na carreira artística, Álvaro de Luna estudou medicina e sua estreia se deu relativamente tarde, com quase 30 anos. Ele estreou ao mesmo tempo na televisão e no cinema, em 1963. Um de seus primeiros trabalhos foi em “O Filho do Capitão Blood”. Na época , cheio de entusiasmo, ele se empenhou em aprender tudo sobre a arte de atuar com atores mais experientes. Em 2018, aos 83 anos, é ele quem serve de mestre e sente-se gratificado por ainda ser valorizado por seu trabalho e pelo respeito que recebe dos colegas.

Depois da estreia, ainda em 1963, participou do filme “A Máscara de Scaramouche”, dirigido por Isasi-Isasmendi e fez uma pequena participação em “O Carrasco” (El Verdugo) do diretor espanhol Luis García Berlanga. Em seguida, atuaria no filme “ “Rosi y los demás”, seguido de papeis em diversas séries de TV e programas como“La noche al hablar”, “Dos en la ciudad” e o grande sucesso “Historias para no dormir” de Narciso Ibáñez Serrador.

Outro gênero em que Álvaro de Luna se sentiu muito à vontade foi no Spaghetti Western, onde estrelou diversos filmes, entre os quais, “Joe, o Implacável” e “Salário para Matar”.

Nos anos 1970, reduziu um pouco suas atividades no cinema e passou a atuar mais intensamente em produções para TV. A maior popularidade viria na série Curro Jimenez, apresentada de 1976 a 1978 pela TV espanhola. Na série, que se passa na Espanha dominada por Napoleão, ele faz um dos papeis mais importantes de sua carreira: El Algarrobo.

 No ano seguinte, ele conquista o papel principal de “La Barraca”, uma adaptação do clássico de Vicente Ibánez. Participaria ainda de mais de 15 produções nos anos 1980 e 1990, entre as quais se destaca “Farmacia de Guardia” (1992-1995), no papel de Carlos Vergara, “Régimen abierto”, “Herederos” e “Hospital Central”, “Historias de Juan Español”, “Pepe Carvalho”, “Luna, el misterio de Calenda e “Heredero”, entre outros.

ÁLVARO DE LUNA SPAGHETTI WESTERN

O ator espanhol estrelou dezenas de filmes do chamado Spaghetti Wster e a forma como começou a atuar é no mínimo curiosa, pois iniciou como dublê dos atores em cenas mais perigosas. Ele era muito requisitado por sua habilidade com esgrima e por saber montar a cavalo. Pouco a pouco, ele conseguiria papeis de maior importância até se consolidar no gênero.

Ele então se mudou para Almeria, cidade que ficou conhecida como a terra do cinema, na Espanha, onde foram rodados mais de 20 filmes do gênero Faroeste. Assim, enquanto duraram os “anos dourados” do Spaghetti Western, Álvaro de Luna atuaria em mais de uma dezena deles, dentre os quais podemos destacar:

  • 1964 – Antes llega la muerte
  • 1964 – Desafio em Rio Bravo
  • 1965 – Los Cuatreros
  • 1965 – Aventuras del oeste
  • 1965 – Minesotta Clay
  • 1966 – Joe, O Implacável
  • 1966 – Arizona Colt
  • 1967 – Joe Navidad
  • 1968 – Salário para Matar
  • 1968 – Quinze Horas para um Assassino
  • 1970 – Los Compañeros
  • 1970 – Reza por tu alma..y muere
  • 1970 – Los Hijos del día y de la noche
  • 1981 – La Venganza del Lobo Negro

ÁLVARO DE LUNA PRINCIPAIS PAPEIS

Além dos filmes de Faroeste, onde se destacou no papel de um bandido em “Joe, o Pistoleiro Implacável” (Navajo Joe), o ator espanhol teve uma grande oportunidade em 1975, no papel que lhe trouxe a consagração, interpretando El Algarrobo, na série “Curro Jimenez”, a convite do diretor J. L. Romero Marchent. A série tinha como personagens principais, quatro “bandoleros”: Curro Jiménez (Sancho García), el Estudiante (Pepe Sancho), el Fraile (Francisco Agora) e, por fim, Algarrobo (De Luna)

Sua atuação abriu as portas da TV para o ator, que, apesar disso, nunca deixou de trabalhar no cinema ou no teatro. Outro papel de grande repercussão foi em “El Cabezota” (1981), produção na qual ele interpretou um aldeão bronco, que se recusa a deixar que seu filho frequente uma escola, por achar que a melhor educação vem da vida. Ele trava uma grande batalha com a professora da comunidade, (interpretada por Jacqueline Andere), por quem acaba se apaixonando

ÁLVARO DE LUNA – PLATAFORMA DE APOIO A ZAPATERO

Com fortes convicções políticas e declaradamente de esquerda, Álvaro de Luna participou da Plataforma de Apoio a Zapatero, em apoio ao candidato do partido socialista Luis Rodriguez Zapatero para a presidência do Governo Espanhol. Essa plataforma contou com a participação de diversas celebridades espanholas, entre atores, esportistas e cantores. Entre eles, Concha Velasco, Joan Manuel Serrat e David Meca. Posteriormente, em 2011, ele apoiou o PSOE nas eleições gerais da Espanha.

ÁLVARO DE LUNA IDADE

Dono de muita vitalidade e lucidez, Álvaro de Luna chegou aos 80 anos em plena atividade. Além de ser um dos protagonistas de “Al Sur de Guernica”, filme de Silvia G. Argente, que foi filmado nos arredores de Almería, ele também subiu ao palco, na peça teatral “O Filho de Noiva”, que tem no elenco Tina Sainz, Juanjo Artero, Sara Cózar e Mikel Laskurain.

A peça tem origem em um drama que há mais de dez anos foi lançado no cinema, no filme argentino homônimo de grande sucesso, cujo tema traz uma abordagem sensível do Alzheimer, com Ricardo Darín no papel principal. Em 2018, aos 83 anos, ele continua ativo no meio artístico.

ÁLVARO DE LUNA FILMES

Se você está em busca de uma filmografia básica para conhecer o trabalho desse veterano ator espanhol, anote alguns e divirta-se:

Objetivo: las estrellas (1963)

A máscara de Scaramouche (1963)

Los conquistadores del Pacífico (1963).

I due gladiatori (1964), de Mario Caiano.

La tulipe noire (1964)

Antes llega la muete (1964)

Whisky y vodka (1965)

Minnesota Clay(1965), de Sergio Corbucci

Aventuras del Oeste (1965)

Desafío en Río Bravo(1965),

Estambul 65 (1965)

Train d´enfer (1965)

À sombra de uma Colt (1965), de Giovanni Grimaldi

Joe, o Implacável (1966), de Sergio Corbucci

Rembrandt antwort et nicht (1966)

Lola , espejo oscuro (1966)

Amor a la espanhola (1967)

Avisa a Curro Jiménez (1978) (Adaptação para o cinema de série de TV)

El Cabezota (1981)

Luna de Lobos (1986)

Silencio Roto (2000)

El Viaje de Carol (2000)

Las Voces de La Noche (2004)

Enloquecidas (2006)

Tereza, El Corpo de Cristo (2007)

El prado de las estrellas (2007)

Y tú de quién eres? (2007)

Misericordiam Tuam (2008)

Leave a Reply